Orla da Ribeira: Prefeitura anuncia revitalização
TRÂNSITO AO VIVO
WhatsApp: 71 9206-5826
sábado, 1 de novembro de 2014
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Cidade

Orla da Ribeira: Prefeitura anuncia revitalização

Publicada em 26/11/2010 06:45:42

Região que já teve grande destaque econômico e turístico, onde as famílias abastadas de Salvador mantinham casas de veraneio, a Ribeira vai passar por uma grande transformação urbanística em sua orla marítima.

A licitação para a execução das obras que vão devolver a antiga magia do bairro foi aberta ontem pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF). As intervenções que a Prefeitura de Salvador fará compreendem o trecho entre a Praia de Bogari e a Praça do Divino. Só com a nova iluminação serão gastos R$ 4 milhões. A comunidade local vai receber a nova orla no dia do aniversário de Salvador, 29 de março.

A recomposição urbanística envolve o tecido urbano relacionado com o uso do espaço público, como o da praia, das condições da habitabilidade da população local, o ordenamento de veículos, em conformidade com as características das vias existentes, a criação de áreas de estacionamento, a implantação de ciclofaixa, pista de cooper, agendamento do espaço de lazer, convivência e entretenimento. A calçada será alargada para oito metros

A FMLF quer observar os padrões que atendem às diversas faixas etárias, privilegiando o espaço do pedestre e a acessibilidade universal, como informa Vilma Lage, presidente do órgão público responsável pelo projeto. O projeto prevê ainda a preservação da vegetação existente, a composição de áreas permeáveis, a inserção de balaustradas e de espaços voltados para o fomento de atividades comerciais e culturais sem, com isto, deixar de ressaltar as belezas naturais do antigo balneário.
 
Assim, será implantado um parque linear com equipamentos infantis e áreas de convivência, num prolongamento de 3Km, onde estarão inseridos elementos da história, da cultura e da arquitetura locais.

“As ações organizadas pela FMLF para a recomposição de sua dinâmica urbana estão voltadas para o reaquecimento da economia local, baseada na exploração de seu potencial turístico, valorização de seus atrativos naturais e expressão de seu conteúdo simbólico”, ressalta o gerente de projetos especiais da FMLF, Antônio Carlos Brito.

O projeto da orla da Ribeira está inserido num projeto maior da Prefeitura do Salvador para a revitalização da Península de Itapagipe e preparação do região para o turismo religioso que será desencadeado com a beatificação de Irmã Dulce. Numa etapa posterior, a urbanização será estendida até a praia da Boa Viagem.

Nova Iluminação – A Secretaria Municipal de Serviços Públicos e Prevenção à Violência (Sesp) vai fazer a recomposição da iluminação pública de toda a orla da Cidade Baixa, investindo R$ 4 milhões provenientes da Taxa de Iluminação Pública (TIP).

O projeto segue o padrão da orla atlântica, com postes em aço galvanizado e o uso de lâmpadas de 400 watts que possibilitam maior luminosidade. A implantação de postes mais altos aumenta a beleza estética durante o dia e maior claridade à noite, diz o secretário da Sesp, Fábio Mota.

Incorporados ao mobiliário urbano, os novos equipamentos públicos em aço galvanizado são recicláveis em casos de acidentes gerando, consequentemente, maior economia aos cofres públicos.

Além disso, eles têm maior durabilidade que os postes de concreto que têm vida útil de apenas cinco anos. Em 30 anos de duração, os postes em aço galvanizado sofrem pouco com a ação das intempéries, como a ação da chuva, dos ventos e do salitre.

SIGA A TRIBUNA
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
CAPA DE HOJE
PUBLICIDADE