Senai faz seleção para cursos gratuitos de aprendizagem industrial
TRÂNSITO AO VIVO
WhatsApp: 71 9206-5826
quinta-feira, 27 de novembro de 2014
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Educação

Senai faz seleção para cursos gratuitos de aprendizagem industrial

Publicada em 18/04/2011 12:31:35

O Senai Bahia abre inscrições hoje (segunda-feira, 18 de abril) para o processo seletivo dos seus cursos de aprendizagem industrial de nível básico. As inscrições podem ser feitas exclusivamente pela internet até este domingo, 24 de abril, nos sites www.cursosgratuitossenai.fieb.org.br ou www.exatuspr.com.br, respeitando o limite máximo de dez inscrições por vaga. Todos os cursos são gratuitos e não há taxa de inscrição para o processo seletivo. As provas serão realizadas em 15 de maio de 2011. 

 

São 1.729 vagas, distribuídas em 47 turmas em diferentes áreas, contemplando 17 municípios baianos. A lista completa já está disponível nos sites www.cursosgratuitossenai.fieb.org.br e www.exatuspr.com.br, bem como a quantidade de vagas por localidade e curso. Para se inscrever nos cursos, os candidatos devem ter ensino fundamental II completo e idade de 14 a 21 anos e 11 meses no ato da matrícula, com exceção dos candidatos ao curso de Manutenção Eletromecânica que devem ter idade de 17 anos e 6 meses a 21 anos e 11 meses no ato da matrícula.

 

Os cursos têm carga horária de 880 horas. As aulas terão início em julho de 2011, de segunda à sexta-feira, podendo haver aulas também aos sábados, nos locais estabelecidos pelo Senai. Os alunos aprovados no processo seletivo poderão ser contratados como aprendizes pelas indústrias. Conforme determina a legislação, os alunos com contratos de aprendizagem cumprirão ainda uma etapa prática na empresa por uma carga horária igual à fase teórica.

 
Os cursos de aprendizagem industrial são oferecidos pelo Senai, conforme a demanda do setor industrial, para atender à legislação que regulamenta a contratação de aprendizes – Lei nº 10.097/2000 e o Decreto nº 5.598/2005. Com exceção de micro e pequenas empresas, todos os estabelecimentos, de qualquer natureza, são obrigados a empregar e matricular um número de aprendizes equivalente a 5% no mínimo e 15% no máximo dos seus empregados, cujas funções demandam formação profissional.

 

SIGA A TRIBUNA
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
EDIÇÃO ONLINE
PUBLICIDADE