Universitário preso por roubo de carro
TRÂNSITO AO VIVO
quinta-feira, 23 de outubro de 2014
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Segurança

Universitário preso por roubo de carro

por
Daniela Pereira REPÓRTER
Publicada em 07/12/2011 22:51:30

 Um estudante de engenharia foi preso na tarde de ontem sob acusação de integrar uma quadrilha de assaltantes de carros na região de Stella Maris. Morador do Imbuí, Lucas Brasileiro de Almeida, 19 anos, que segundo a polícia agia há seis meses, está detido na delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV), Iguatemi. A polícia continua com as investigações para localizar os dois comparsas do universitário. O mandado de prisão preventiva foi expedido pela 7ª Vara Crime, sob acusação de roubo qualificado.

 
Com objetivo de desarticular quadrilhas especializadas em assaltos a veículos no local, a polícia deflagrou uma operação, denominada Stella. Após dois meses de investigações, a polícia apreendeu em Alagoinhas alguns receptadores de veículos roubados em Salvador. “Designamos uma equipe à cidade e durante interrogatório com estes suspeitos identificamos os assaltantes Gilvan dos Santos Fagundes e Wilian Ferreira Paim dos Santos. 
 
Na divisão da quadrilha, eles roubavam os veículos, que eram dirigidos por Lucas e guardados no estacionamento do condomínio, onde ele mora no Imbuí”, explicou o delegado da DRFRV, João Ricardo G. Barbosa. 
 
Dias após o roubo, Lucas e os comparsas levavam o veículo para Alagoinhas, onde eram vendidos por cerca de R$ 3 mil. De posse de três mandados de prisão e um de apreensão, expedidos pelo juiz de direito Álvaro Marques, a polícia localizou e prendeu Lucas dentro da casa onde mora. 
 
“Em depoimento, ele confessou o crime e disse que na quadrilha tinha a função de piloto”, contou o delegado, ressaltando o motivo alegado pelo estudante para participar dos crimes. “Segundo ele, toda participação era motivada pelo prazer da adrenalina. Ele é um jovem de classe média, estudante universitário de uma unidade particular e não tinha outra versão para explicar a inserção em atividades ilícitas”, pontuou o delegado titular, Augusto Eustáquio. 
 
Com a divulgação da foto do universitário, a polícia agurda comparecimento de novas vítimas de assaltos, pois, até o momento, apenas dois veículos, um Fox branco roubado em Catu e um Punto preto em Salvador, foram localizados. De acordo com informações da polícia, o próximo passo é prender Gilvan e Wilian, ambos com passagens em delegacias por roubos. Na residência do estudante, os agentes apreenderam três computadores e celulares para serem periciados.
 
 Segundo Eustáquio, todo contato com os demais integrantes da quadrilha era feito por estes computadores, via redes sociais. Pela internet, eles planejavam as ações criminosas e como iriam gastar o dinheiro adquirido nos roubos. 
SIGA A TRIBUNA
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
CAPA DE HOJE
PUBLICIDADE