7 maneiras criativas e divertidas para entregar o ovo de Páscoa às crianças
TRÂNSITO AO VIVO
quinta-feira, 23 de outubro de 2014
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Comportamento

7 maneiras criativas e divertidas para entregar o ovo de Páscoa às crianças

por
Raquel Paulino / iG São Paulo
Publicada em 28/03/2013 11:11:02
Foto: SXC/Creative Commons
Os miniovos são excelente opção para brincadeiras em grupo
Os miniovos são excelente opção para brincadeiras em grupo

Para as crianças, parte da magia da Páscoa está em ganhar os ovos de chocolate deixados em casa pelo coelhinho. Assim como o Papai Noel, ele nunca é visto no ato da entrega dos presentes, mas vive na fantasia infantil como se fosse real.

Tem lembrança mais doce da infância do que encontrar os ovos na manhã do domingo de Páscoa, ainda de pijaminha, e festejar com os pais, irmãos, primos, avós?

Para tornar a ocasião ainda mais especial e divertida, os pais podem dedicar algum tempo a brincadeiras que estimulem os filhos a “batalhar” por seus ovos. Escolha uma – ou mais – e faça a festa com as crianças!

1. Caça aos ovos
Faixa etária: a partir de três anos
Individual ou em grupo

Esta é a brincadeira mais tradicional, feita há décadas pelas famílias. Antes de as crianças acordarem, esconda os ovos pelo ambiente. Ao chamá-las pela manhã, avise que viu o coelhinho indo embora, mas não sabe onde ele deixou os ovos. A partir daí, os pequenos devem procurá-los em todos os lugares. Espalhe, em locais estratégicos (dentro de um vaso ou atrás de um abajur, por exemplo), pequenos papeis com setas indicando em que direção elas devem ir. Se for mais de uma criança, determine uma cor para cada uma e explique que as pistas devem ser seguidas de acordo com esse código, ou seja, a criança verde só chegará ao seu ovo seguindo as setas desenhadas em verde. Ovos de chocolate em miniatura ou bombons podem ser deixados com algumas das pistas, para alegrar ainda mais o jogo. No final, as crianças encontram o prêmio maior: o ovo de Páscoa.

2. Gincana maluca
Faixa etária: a partir de quatro anos
Individual ou em grupo
Prepare um caminho bem maluco para as crianças percorrerem até chegarem aos ovos (pode ser desenhando o chão com giz de quadro-negro ou fixando papeis nele com durex). Elas conseguirão vê-los, mas só poderão pegá-los quando chegarem ao final da trilha. De acordo com a idade e a habilidade dos pequenos, eleja uma forma divertida de passar pelo caminho: corrida de sacos, equilibrando um ovinho de chocolate em uma colher, pulando corda. O ovo de Páscoa é entregue na linha de chegada.

3. Perguntas e respostas
Faixa etária: de três a nove anos
Individual
Em uma cartolina, desenhe um caminho numerado e o enfeite com símbolos da Páscoa, como ovinhos e coelhinhos. Prepare uma pergunta para cada um dos números do jogo – aqui, os pais podem aproveitar para aplicar um reforço escolar, formulando questões relacionadas ao conteúdo que está sendo estudado. A criança deverá jogar um dado e responder a pergunta da casa em que caiu. Caso erre, volta para a casa em que estava anteriormente e joga o dado de novo. Para que não pareça uma aula particular, coloque “casas premiadas” no meio da numeração, em que os prêmios podem ser ovinhos de chocolate ou bombons. Chegando ao fim do tabuleiro, ela ganha o tão esperado ovo de Páscoa!

4. Quente e frio 
Faixa etária: a partir de três anos
Individual ou em grupo
É uma variação da caça aos ovos. Em vez de espalhar setas indicando a direção que as crianças devem seguir, coloque-as em um ponto de partida e deixe que comecem a andar em busca dos ovos de Páscoa. Os adultos devem informar se estão próximas (dizendo “quente”) ou distantes (dizendo “frio”) do prêmio. Se forem muitas crianças, não esqueça de dar as instruções de “quente” ou “frio” falando o nome de cada uma antes. Quando estiverem prestes a pegar o ovo de Páscoa, diga “fervendo” e comemore com elas.

5. Pegadas do coelhinho
Faixa etária: a partir de dois anos
Individual ou em grupo
Outra variação da caça aos ovos, mas aqui as pistas são as pegadas do coelhinho espalhadas pela casa. Para fazê-las, recorte papéis no formato das pegadas ou utilize um pouco de farinha nas pontas dos dedos para desenhá-las no chão. Se preferir, algumas lojas de artigos para festas vendem as pegadas em tamanhos diversos. O caminho deve ter obstáculos, como o sofá ou a mesa de centro, e neles podem ser colocados ovos de chocolate em miniatura ou bombons, para deixar a brincadeira mais alegre ainda. Incremente a trilha com algumas cenouras “mordidas” e diga que o coelhinho as deixou ali. No final, a criança encontra seu sonhado ovo de Páscoa.

6. Cestinha cheia
Faixa etária: a partir de três anos
Em grupo
Espalhe dezenas de miniovos de chocolate pelo ambiente, entregue um cestinho para cada criança, coloque-as em um ponto de partida e dê a largada dizendo “Valendo!” ou apitando. Elas deverão correr para todos os lados e pegar o maior número possível de ovinhos, que serão seus prêmios.

7. O rabo do coelho
Faixa etária: a partir de quatro anos
Individual ou em grupo
Desenhe um coelho gigante em uma cartolina e fixe-a em uma parede. No lugar do rabo, coloque uma fita adesiva dupla-face. Deixe a criança ver bem o desenho, entregue a ela uma bolinha de algodão e vende seus olhos com um lenço. Seguindo dicas dos adultos, ela deverá colar o algodão no lugar do rabo do coelho. Assim que conseguir, ganhará o ovo de Páscoa. 

Siga a Tribuna da Bahia    Curta a Tribuna da Bahia

Site parceiro
-- iG

SIGA A TRIBUNA
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
CAPA DE HOJE
PUBLICIDADE