FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Segurança

Acidente perto de Jequié mata 6 pessoas

Publicada em 08/11/2013 04:26:42

Seis pessoas morreram e outras dez ficaram feridas em um acidente na madrugada da quinta-feira, na BR-116, trecho conhecido como Serra do Mutum, região do município de Jequié, no sudoeste da Bahia. De acordo com plantonistas da Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma van e um caminhão bateram de frente. E há indícios de que o motorista tenha dormido.

Ainda de acordo com a PRF, quatro pessoas morreram no momento da batida e as outras duas, quando deram entrada no Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié. Entre os mortos está o motorista do caminhão.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a van, uma Sprinter/Mercedes-Benz, de placa  NMJ 6536, invadiu a contramão antes de bater de frente com um caminhão baú, e há indícios de que o motorista  tenha dormido. “O caminhoneiro ainda tentou tirar para o acostamento, mas não conseguiu. O motorista provavelmente dormiu ao volante. O horário que aconteceu, 4h30, também é um horário de sono”, pontuou  o inspetor Luis Cruz, do posto da PRF de Jequié. 

A van seguia de São Paulo para Santana do Ipanema, no estado de Alagoas e transportava 16 pessoas. Ela bateu de frente com o caminhão da Volkswagen, placa CYR 5689. Além do motorista da van, José Roberto da Conceição Bezerra, 37 anos, os passageiros Advan Rodrigues dos Santos, 24, Gerusa Correia da Silva, 60, e Luís Gonçalves, 66, morreram no local. Karen Cristina Escobar, 25, morreu a caminho do Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié. Já o condutor do caminhão, Julio Mineo Nagaoka, 50, morreu na unidade de saúde.

Ainda na tarde de ontem, algumas pessoas estavam no centro cirúrgico da unidade em estado grave de saúde. Já a PRF informou que no total dez pessoas se feriram no acidente. Entre eles, um homem ainda não identificado e uma garota de 10 anos estão na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Prado Valadares. Rodrigo Sena da Silva, 20, Tiago da Silva, e uma menina de 8 anos estão em estado grave. Os demais passageiros sofreram lesões leves. 

Há evidências de que a van realizava transporte clandestino, conforme  informações de policiais rodoviários.

SIGA A TRIBUNA
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Edição Online
(71) 3022-6046
Av. Magalhães Neto, 1856, Ed. TK Tower - Sala 619
Edição Impressa
(71) 3321-2161
Rua Djalma Dutra, 121, Matatu