FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Cidade

Navio pega fogo e vaza óleo em Aratu

por
Maíra Cortes
Publicada em 19/12/2013 06:34:43

A explosão de um navio gaseiro que estava atracado no Porto de Aratu, em Candeias, na última terça-feira (17), é um dos principais motivos para o aparecimento de manchas de óleo na Baía de Aratu. A informação é do capitão André Novis Montenegro, que em entrevista coletiva na tarde de ontem, garantiu que a mancha de um lubrificante surgiu após o incêndio da embarcação, mas que está sob controle.

Ainda segundo o capitão, resíduos de água de limpeza que vazaram do navio também contribuem para a mancha no mar. Até o momento, não há informações sobre a quantidade de óleo vazado nem se pode prejudicar o meio ambiente. Duas empresas especializadas foram contratadas para avaliar amostras do produto. Enquanto isso, boias fazem a contenção do óleo evitando que ele se espalhe mais. Moradores da região disseram que o óleo vazado já está contaminando os mariscos.

A Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba) informou que uma falha no compressor da unidade de reliquefação do navio pode ter causado a explosão. A Marinha abriu inquérito administrativo para saber as causas do acidente que deve ser concluído em 90 dias. “Se ficar constatado que houve negligência, o navio será multado e o condutor pode perder a habilitação”, afirmou Capitão Montenegro.

Até o início da noite desta quarta-feira (18), ainda havia focos de incêndio na embarcação. De acordo com Montenegro, os focos só vão acabar quando a carga de gás for completamente queimada.  A embarcação está em local isolado de difícil acesso, não oferecendo  risco de novas explosões. Até a tarde de ontem, quatro navios tentavam conter a fumaça preta jogando água para a embarcação.

No momento do acidente, o navio Golden Miller carregado de gás propeno, de bandeira das Bahamas, estava com 22 tripulantes a bordo. Dois tiveram ferimentos leves e passam bem. A Brigada de Incêndio do Porto de Aratu, apoiada por seis rebocadores, três deles equipados com canhões de água, combateram as chamas logo após a explosão.

SIGA A TRIBUNA
Envie informações para a Tribuna
71 9206-5826
ÚLTIMAS
Valdemir Santana
01:01
Antonio Larangeira
00:51
Michel Telles
00:47
Janete Freitas
00:44
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE