TRÂNSITO AO VIVO
domingo, 26 de março de 2017
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Esportes

Vitória vence no Barradão e despacha o Vasco da Gama na Copa do Brasil

O Rubro-Negro baiano empatou o jogo de ida por 1 a 1

por
Redação e Agência Futebol Interior
Publicada em 16/03/2017 21:23:59
Foto: Romildo de Jesus
Kieza passou em branco; a noite foi de Alan Costa
Kieza passou em branco; a noite foi de Alan Costa

No primeiro tempo, sobrou disposição, faltou técnica. Vitória e Vasco lutaram o tempo inteiro, mas foram para o intervalo empatado sem gols, o que dava a classificação ao Rubro-Negro baiano, que empatou o jogo de ida por 1 a 1 e avançaria na Copa do Brasil com um empate sem gols.

O vitória reclamou de um pênalti não marcado. Confira se foi.

No segundo tempo, sobrou velocidade e se destacou o goleiro uruguaio Martin Silva. Até que aos 14 minutos Gilberto cabeceou errado, para o meio da área, a bola sobrou para David que chutou e o rebote ficou para Alan Costa, com calma, encontrar um brecha e fazer Vitória 1 x 0 Vasco.

A torcida do Leão tomou um susto aos 24 minutos. Luis Fabiano subiu muito acima da zaga e acertou uma forte cabeçada, para boa defesa de Fernando Miguel. Um gol do Vasco levaria a decisão para os pênaltis.

Paulinho poderia ter ampliado aos 46, mas Martin Silva salvou de novo. Cardenas jogou pra fora aos 49. Mas 1 a 0 era suficiente.

Detalhes do jogo

Jogando em casa e contando com o apoio da torcida, o Vitória iniciou a partida pressionando o Vasco da Gama e o primeiro lance de perigo veio aos dez minutos. Patric recebeu lançamento dentro da área, mas Martín Silva estava atendo e ficou a bola antes do lateral. O time cruzmaltino encontrava dificuldades para trocar passes.

Aos 25, Kieza recebeu de Cleiton Xavier dentro da área e caiu reclamando de um empurrão, mas o árbitro mandou o lance seguir. Na sequência, o atacante finalizou cruzado e não apareceu ninguém para completar. A primeira finalização cruzmaltina veio no lance seguinte. Fernando Miguel defendeu chute de Henrique e Nenê mandou o rebote para fora.

A partida ganhou ritmo no fim do primeiro tempo. José Welison bola rebatida pela zaga cruzmaltina e emendou por cima do travessão. Depois, Fernando Miguel saiu jogando errado e Nenê buscou o ângulo de muito longe, mas o goleiro rubronegro se redimiu e fez a defesa.

De cabeça, Luis Fabiano aproveitou cruzamento de Gilberto e mandou para fora. Aos 40 minutos, Patric recebeu de David e tentou por cobertura de Martin Silva. A bola passou rente a trave.

A situação do Vasco quase ficou ainda pior aos quatro minutos do segundo tempo. Kieza subiu mais que Jumar e cabeceou no ângulo de Martin Silva, que se esticou todo e espalmou para escanteio. O Vasco respondeu através de uma bicicleta de Douglas pela linha de fundo.

Aos 14 minutos, após bate e rebate dentro da área, a bola sobrou para Alan Costa e o zagueiro completou para o gol aberto, abrindo o placar e fazendo a festa dos torcedores rubronegros no Barradão. Com esse gol, o Vasco precisava empatar para levar a decisão aos pênaltis ou virar para classificar.

Com isso, o Gigante da Colina partiu com tudo em busca do empate e passou a dar espaço para os contra ataques do Vitória. Aos 22, Gabriel Xavier invadiu a área e tentou driblar Martin Silva, mas perdeu a bola para o goleiro. Depois, José Welison soltou a bomba em cobrança de falta e o camisa 1 espalmou.

O Vasco respondeu em uma cabeçada de Luis Fabiano, defendida por Fernando Miguel. Em sua primeira oportunidade, Thalles recebeu dentro da área e finalizou rasteiro, tirando tinta da trave. Nos minutos finais, o Gigante da Colina apostou nos lances pelo alto, mas sem sucesso. Já o Vitória poderia ter ampliado pelo menos duas vezes.

Ficha do jogo

Vitória – Fernando Miguel, Patric, Kanu, Alan Costa e Geferson; Farias, Welison, Gabriel e Cleiton; David e Kieza. Técnico Argel Fucks.

Vasco – Martin Silva, Gilberto, Rodrigo, Rafael Marques, Jean, Henrique, Douglas, Guilherme, Luis Fabiano, Nenê e Escudero. Técnico. Cristovão Borges

Cartões Amarelos
Vitória-BA: Geferson, Alan Costa, Fernando Miguel
Vasco da Gama-RJ: Gilberto, Guilherme

Próximos jogos - O Vasco tem pela frente agora o clássico contra o Botafogo, no domingo, às 18h30, no Engenhão, pela segunda rodada da Taça Rio. No mesmo dia, mas às 16 horas, o Vitória recebe o Jacuipense, no Barradão, pela oitava rodada do Campeonato Baiano.

SIGA A TRIBUNA
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
EDIÇÃO ONLINE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE