TRÂNSITO AO VIVO
quarta-feira, 24 de maio de 2017
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE
Curiosidades / Saúde

5 dicas para uma gestação saudável

Entre as muitas recomendações, reunimos cinco dicas que devem receber especial atenção das mamães. Confira!

por
Acorda Cidade, site parceiro da Tribuna da Bahia Online
Publicada em 19/04/2017 14:07:21
Foto: Pixabay/Cretive Commons

A gestação é um momento maravilhoso, e para que seja saudável tanto para a mãe quanto para o bebê é necessário que se tome uma série de cuidados específicos para esse período. Entre as muitas recomendações, reunimos cinco dicas que devem receber especial atenção das mamães. Confira!

Pré-natal

O pré-natal é indispensável para a saúde do bebê, e deve ser iniciado logo que a gravidez for descoberta. Nele, a mãe e a criança passam por diversas avaliações em todas as fases da gestação e, com a ajuda da tecnologia através de aparelhos modernos e até com ultrassom portátil, é possível detectar malformações, alterações na estrutura física e no sistema circulatório, e quaisquer outros problemas possíveis.

Alimentação

Uma alimentação equilibrada é a chave de uma gestação com saúde. Não deixe de incluir legumes, verduras, frutas, carboidratos integrais, proteínas e laticínios.

Alguns alimentos devem ser evitados nessa fase, pois podem estar contaminados e representarem risco para os bebês. Carnes cruas ou malpassadas, ovos crus, e até mesmo frutas, verduras e legumes mal lavados precisam sair do cardápio.

Atividade física

Gravidez também é época de se exercitar. Além de manter a saúde mental em dia, a atividade física dá mais resistência ao corpo da gestante, além de ajudar a entrar em forma mais rapidamente após o parto. Sempre converse com seu médico antes para saber qual é a atividade mais segura e indicada.

Medicamentos

Não tome qualquer medicamento sem antes informar ao seu médico. Caso você use algum remédio de forma contínua, avise ao médico logo na primeiro consulta do pré-natal. Só ele poderá avaliar se você deve ou não manter a medicação e quais seriam as alternativas para substituí-la se houver necessidade.
Descanso

Ouça seu corpo, descanse, dê tempo para o seu organismo se acostumar com a nova rotina e a nova intensidade. Sempre que possível coloque as pernas para cima, durma quando puder e sentir necessidade, e se possível adote técnicas de relaxamento, como massagens e alongamentos.
 

SIGA A TRIBUNA
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
EDIÇÃO ONLINE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE