Indústria de construção tem nova queda em junho, revela CNI

Pela metodologia da pesquisa, números abaixo de 50 indicam insatisfação


Tribuna da Bahia, Salvador
27/07/2017 16:30 | Atualizado há 5 horas e 20 minutos

   

A atividade da indústria da construção civil voltou a apresentar queda em junho. O indicador medido pela Sondagem da Indústria da Construção da Confederação Nacional da Indústria (CNI) ficou em 42,8 pontos, abaixo da linha divisória de 50 pontos, o que indica retração. Em maio, o índice estava em 44,1 pontos. Em junho de 2016, no entanto, o número era um pouco pior do que neste ano, em 41,2 pontos.

O uso da capacidade instalada permaneceu estável em 55%, mesmo patamar do mês anterior. Em junho do ano passado, o porcentual era de 56%. Já o número de empregados caiu levemente, de 42,7 em maio para 41,8 pontos no mês passado, acima de junho de 2016, quando era 38,1 pontos. 

Já o nível de atividade em relação ao usual está em patamares baixos, com queda de 30,3 em maio para 29,6 pontos em junho. O índice estava em 27,2 pontos em junho do ano passado.

No segundo trimestre, os industriais do setor da construção estão insatisfeitos com o acesso ao crédito (28,5 pontos), com a margem de lucro (33,1 pontos) e com a situação financeira (37,2 pontos). Pela metodologia da pesquisa, números abaixo de 50 indicam insatisfação. 


Compartilhe       

 


TRIBUNA VIRTUAL



Notícias Relacionadas