TRÂNSITO AO VIVO
quarta-feira, 26 de abril de 2017
FIQUE SABENDO AGORA
PUBLICIDADE

Pedro Oliveira

Agravamento da seca afeta festa de emancipação de Barrocas

Bolo de 17 metros marca aniversário de Barrocas

 

O município de Barrocas, que ganhou notoriedade política e administrativamente em 30 de março de 2000, uma quinta-feira, este ano, celebra o 17º aniversário de emancipação coincidentemente, também numa quinta-feira. Essa é a segunda vez na história de Barrocas, que a data é festejada no dia de seu desmembramento do território de Serrinha. A programação elaborada pela equipe de Governo do prefeito José Jailson Lima Ferreira – Jai de Barrocas (PMDB) foi marcada por alvorada festiva, missa em Ação de Graças na igreja Matriz São João Batista, discursos e corte de um bolo em formato de um trem com 17 compartimentos, cada um representando um vagão da locomotiva e um ano de independência da comunidade. Os festejos iniciados na data maior de Barrocas prosseguem neste domingo, com café matinal e passeio de bicicross, com a participação de mais de 500 atletas. Ciente dos problemas enfrentados nesse inicio do mandato, o prefeitopreferiu fazer uma festa pequena, porém bonita e organizada, para poder reverter os recursos na aquisição de 700 cestas básicas que serão distribuídas entre as famílias de baixa renda que passam por dificuldades por conta da crise hídrica provocada pela seca. As chuvas que caíram sobre o município esta semana, ameniza um pouco a falta de água em algumas áreas por 30 dias, mas a situação continua praticamente a mesma. Hoje, com recursos próprios e sem apoio dos governos estadual e federal, são distribuídos pelo município 45 carros-pipa de água/dia - cerca de 1.350 carros/mês - e não existia clima para fazer festa e deixar a população passando necessidades nesse momento difícil. 

Melhorias na Saúde e Educação

O pároco da cidade entre autoridades do município

Missa em Ação de Graças na Matriz da cidade, reúne fieis e autoridades

 

Durante os festejos de emancipação da cidade no Salão Paroquial, o vice-prefeito Dida de Raimundo, endossou as palavras do prefeito Jai. Antesdo corte do bolo, onovo gestor de Barrocas,disse que iniciou a administração melhorando os serviços de saúde com a reabertura de 14 postos no município. “Nesse período de três meses de mandato, reabrimos todos os PSF com serviços odontológicos, médicos, auxiliares de enfermagem, entre outros profissionais, bem como o CAPS, que não funcionava. Equipamos a Farmácia Básica, Postos de Saúde e o Hospital Municipal, com a compra de R$ 90 mil de medicamentos, além dos remédios recebidos do governo do estado. Consertamos três ambulâncias e um veículo que transporta pacientes para Feira de Santana e Salvador. Estamos conseguindo, junto ao nosso deputado federal, recursos federais por meio de duas emendas para a Saúde, uma no valor de R$ 393 mil para aquisição de equipamentos, e outra da ordem de R$ 300 mil, que será destinado à compra de veículos, como forma de melhorar ainda mais o atendimento das pessoas que necessitam de tratamento médico nos grandes centros. Os avanços prosseguem na área da Educação: Neste setor, disponibilizamos nove veículos para os universitários que estudam foram do município. Melhoramos, também, o transporte escolar e passamos a oferecer aos alunos da rede municipal de ensino, uma merenda de boa qualidade”. Os investimentos prosseguem no setor de transporte: nessa área, foram feitos investimentos da ordem de R$ 60 mil na aquisição de pneus; e R$ 23 mil na compra de baterias para a frota. Foram recuperados, também, veículos e máquinas que estavam sem as mínimas condições de uso por problemas mecânico.

Apoio ao pequeno produtor

Na área de Agricultura, Jai de Barrocas disse que vem realizando cadastro visando contemplar cerca de 1.260 agricultores com aragem de terra. Para isso, serão contratados 16 tratores de pneus para o preparo do solo, para quando as chuvas voltarem a cair e os agricultores possam fazer o plantio de grãos como milho, feijão, além de mandioca, produtos de subsistência da agricultura familiar. Jai de Barrocas disse ainda que a situação do município junto à Previdência é preocupante, uma vez que herdou um débito que chega a R$ 9 milhões. E o parcelamento feito pelo ex-prefeito junto ao INSS, chega a R$ 135 mil/mês, além de R$ 27 mil/mês do PASEP.

Equilíbrio das finanças

Jai de Barrocas garante que nesses 90 dias de administração, tem conseguido equilibrar as fianças da prefeitura. “O que está sendo feito, está sendo pago em tempo real, a exemplo da folha de pessoal, paga até o dia 20 de cada mês. Tudo que tem sido feito em Barrocas, está dentro do limite. Mas não está sendo fácil administrar e ainda ter que enfrentar essa seca, que é a pior dos últimos 100 anos. É melhor estarmos atendendo nossa população com cestas básica, carros-pipa, aração de terra, para amenizar a situação do pequeno produtor e daqueles que mais necessitam do que promover shows artísticos que durariam algumas horas de diversão e que possivelmente esvaziariam os cofres da prefeitura. Em vez de fazer a festa da cidade; optei por atender as pessoas que necessitam”, disse o prefeito.Das 26 barragens do município, falta executar a limpeza de quarto a seis, já que algumas ainda têm um pouco de água. Concluindo, o prefeito Jai de Barrocas disse que o sonho é grande e está fazendo contenção de despesas acreditando que, a partir do segundo semestre, reinicie algumas obras que estão paradas, como o estádio de futebol, entre outras.

Fazenda Barrocas, onde tudo começou

Igreja Matriz de Barrocas

 

No ano de 1800 chegava à Fazenda Barrocas os primeiros trilhos da ferrovia. No local onde está localizada a antiga estação, foi construída, na época, uma plataforma para carga e descarga. Os primeiros donos da fazenda Barrocas eram José Alves Campos e sua mulher Felisberta Alves Campos. Na década de 1900, João Afonso da Silva construiu a primeira casa comercial e a capela dedicada a São João Batista. A igreja Matriz, iniciada em 1936, foi inaugurada em 1942. A Estação da Leste foi construída em 1942 e inaugurada em 1943, com o nome de Barrocas. Posteriormente, foi mudado para Agenor de Freitas. A feira livre teve inicio na década de 1940, debaixo de uma árvore. Em 30 de dezembro de 1953, Barrocas passou a categoria de distrito de Serrinha. No dia 9 de maio de 1985 foi criado o município de Barrocas, através da Lei nº 4.444. E em 15 de novembro do mesmo ano, foi eleito prefeito, João Olegário de Queiroz. Em 31 de dezembro de 1988, houve a anulação da criação do município, com a localidade à condição de distrito de Serrinha. No dia 30 de março de 2000, foi aprovada, por unanimidade, a lei estadual nº 7.620, sancionada pelo governador do estado, que criou novamente o município de Barrocas.

Colunas anteriores
Outras notícias: mais recentes · mais antigas
SIGA A TRIBUNA
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
EDIÇÃO ONLINE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE